Vovólima saindo do papel

Saindo do papel: sorriso bordado da vovólimaDemorou (muito) mas está saindo. Dos entraves técnicos, o que mais estava complicando tudo era como bordar com uma máquina reta de 1950 que não faz zig-zag.

Em testes e mais testes descobri que a Tia Elna, com ponto 0,5 e em velocidade média-baixa, “borda” (clique aqui ou na imagem para ampliar). O princípio é simples (agora que eu sei fazer! XD): com um ponto menor e com passo reduzido, o ponto passa a ter 0,1mm de expessura, então basta “desenhar” as formas que desejamos.

Vocês não tem noção de como isso soa como um “milagre aqui no .marca, pois ter que bordar tudo a mão, inviabilizaria qualquer projeto.

Agora a nossa Vóvis sairá daquele jeito!!!

Um grande abraço,

.faso

Atualização: antes de eu ir dar a minha aula, confira aqui o teste de enchimento da cabeça da Vovólima. A bichinha está enorme!!! XD

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *